A Presidente da Assembleia da Republica(PAR), Esperança Laurinda Francisco Nhiuane Bias, disse quarta-feira última, dia 13, na cidade russa de São Petersburgo, que o papel da mulher na busca de melhores soluções dos problemas que afectam o mundo é crucial, não só porque ela é vitima de primeira linha em situações de calamidade, do terrorismo e da pandemia, mas também porque constitui a base que garante a estabilidade das sociedades humanas.

Discursando na Sessão Plenária de Abertura do III Fórum da Mulher Euroasiática, que decorre sob o Lema – Mulheres ː Missão Global numa Nova Realidade, a Presidente do Parlamento moçambicano acrescentou que “o desafio da coesão social, de luta contra a pobreza e as desigualdades, impõe a continua promoção, do acesso as Tecnologias de Informação e Telecomunicação e migração para o meio digital no contexto da globalização”.

Para a PAR, é necessário que a mulher tenha, cada vez mais, acesso ao conhecimento e capacitação, usando ferramentas tecnológicas que permitam conhecer o que se passa no mundo.

“Quanto a contribuição da mulher, no âmbito da transição para novos modelos de crescimento económico, é nossa expectativa que a participação da mulher seja efectiva, transmitindo o seu conhecimento nos debates como neste prestigiado Fórum Internacional e em outros, em prol de uma economia azul, protegendo o mar, os rios e salvaguardando a floresta e a biodiversidade”, disse a Presidente Bias.

 

De acordo a PAR, a mulher, nesta missão global face a nova realidade, pode contribuir para criar a esperança, a solidariedade e o respeito pelos direitos humanos. “Ela tem, igualmente, a responsabilidade de contribuir para o alcance de um mundo pacifico, justo e sustentável”, frisou.

Na ocasião, Bias apelou aos participantes ao evento a incentivar, nos seus respectivos países, para que o papel das mulheres cientistas seja uma realidade na mitigação dos impactos negativos da nova era no avanço científico, contribuindo para que a mulher, ao nível da ciência, assuma também, um papel predominante na Missão Global, face as Nova Realidade.

No outro desenvolvimento, Bias disse que o terrorismo constitui uma ameaça grave a paz e segurança internacionais.

Para PAR, a mulher, a jovem rapariga, a criança e os idosos são os primeiros alvos das crises humanitárias provocadas pelo terrorismo. “É, pois, nossa esperança que neste Fórum possamos encontrar uma plataforma comum de solidariedade para a solução desses problemas”, destacou.

Falando especificamente de Moçambique, a PAR informou que as acções terroristas resultaram, no Pais, na morte de mais de 2000 pessoas e mais de 850 mil cidadãos estão deslocados dos seus locais de residência e de produção, para alem da destruição e vandalização de infra-estruturas públicas e privadas, resultando numa grave crise humanitária em algumas regiões da Província de Cabo Delgado.

“Com o apoio de vários países e organizações regionais e internacionais, a situação no terreno tende a melhorar, o que tem permitido a reposição da segurança, ordem e tranquilidade e o regresso paulatino das populações”, disse a PAR, acrescentando que “o País necessita, ainda, do apoio da comunidade internacional em ajuda humanitária e reconstrução das zonas devastadas pelos terroristas”.

A Sessão Plenária de Abertura do Evento foi dirigida pela Presidente do Conselho da Federação da Assembleia Federal da Federação da Rússia, Valentina Matvienko, e a cerimónia de encerramento está marcada para a próxima sexta-feira, dia 15 de Outubro corrente.

SECRETARIADO GERAL
____________________________
CONHEÇA...
_______________________
COMISSÕES DE TRABALHO
____________________________
CÍRCULOS ELEITORAIS
_________________________
 
________________
Estrutura Orgânica Parlamentos do Mundo 1ª Comissão - CAC,DHL Maputo Província
Conselho Consultivo Outras Ligações 2ª Comissão - CPO Maputo Cidade
UEEFO   3ª Comissão - CAS,GTC Gaza
    4ª Comissão - CAPPL Inhambane
____________________________   5ª Comissão - CA,EA Manica
BANCADAS PARLAMENTARES   6ª Comissão - CD;SOP Sofala
FRELIMO   7ª Comissão - CRI,CC Tete
RENAMO   8ª Comissão - CP,QR Zambézia
MDM   9ª Comissão - CEP Nampula
      Niassa
      Cabo Delgado